SONGS

home

Index | Unseen songs | Unfinished songs | Covers | Complete list of songs | Songs by record | Translations


 

TITLE. LYRICS - PORTUGUÊS

Studio version

O eterno

A procissão prossegue, a gritaria acabou
Louvor à glória dos amados que se foram
A falar alto enquanto se sentam às mesas
Espalhando flores arrastadas pela chuva
Fiquei junto ao portão no fundo do jardim
Vendo-os passar como nuvens no céu
Tendo gritar no ardor do momento
Possuído por uma fúria que queima por dentro

Choro como uma criança, e estes anos fizeram-me velho
Com crianças tenho longamente desbaratado o tempo
Um fardo a carregar, apesar da sua comunhão interior
Aceite como uma maldição um acordo infeliz
Brinquei no portão ao fundo do jardim
Alongo a vista desde a sebe até ao muro
Não há palavras que expliquem, nem acções que determinem
Fico-me a observar as árvores e as folhas que caem


 

ALTERNATE LYRICS

All Portuguese translations

English version

Translations: Español | Français | Italiano